Itajaí Containers

47 3345-7500 47 3345-7502 47 9 9231-7022

Transporte de containers: 5 coisas a considerar

Mas, afinal, em relação ao transporte de containers que tipo de cosias você tem que considerar ao comprar um container? Neste artigo, você vai descobrir 5 coisas a considerar sobre o transporte de containers. Então siga com a leitura!

Transporte de containers: 5 coisas a considerar

Transporte de containers: 5 coisas a considerar

O transporte de containers é um pilar fundamental da logística e do comércio internacional.

Assim, se você necessita dos serviços de uma transportadora de cargas, é muito importante que você conheça os fatores a levar em consideração para que os containers que transportam sua mercadoria cheguem ao seu destino corretamente.

Mas, afinal, em relação ao transporte de containers que tipo de cosias você tem que considerar ao comprar um container?

Neste artigo, você vai descobrir 5 coisas a considerar sobre o transporte de containers.

Então siga com a leitura!

O que é container?


Os containers de transporte revolucionaram a maneira como a carga é transportada em navios através dos oceanos. A conteinerização não só ajudou a garantir a segurança dos trânsitos de carga, mas também melhorou a capacidade geral de transporte de carga dos navios de carga.

Até 1956, as mercadorias acondicionadas em fardos, sacas ou barris eram transferidas individualmente do veículo de entrega para o cargueiro que aguardava.

E, tratava-se de um trabalho manual realizado por “estivadores” utilizando roldanas, ganchos de carga e um bom número de mão de obra.

Um navio médio tinha 200.000 peças individuais de carga e levaria cerca de uma semana para carregar e descarregar.

O container de transporte existe há apenas 50 anos. A conteinerização de cargas revolucionou o transporte de mercadorias, pois roubos, danos às mercadorias e custos foram drasticamente reduzidos.

E, isso revolucionou o comércio internacional e aumentou amplamente os tempos de retorno de carga

Em sua maioria, todos os containers marítimos são feitos de aço e possuem a parte superior fechada com portas articuladas, são uma caixa de aço reutilizável padronizada, usada para armazenar e movimentar materiais e produtos, no comércio internacional

O transporte intermodal é um método de movimentação de cargas que envolve mais de um tipo de transporte, seja caminhão, trem, navio ou avião.

Usando containers de transporte padrão, sua carga é transferida do navio para o trilho para o caminhão sem ter que ser reembalada. Isso permite mover sua carga em containers entre o caminhão, o navio e o armazém com facilidade.

Vantagens e Desvantagens dos Containers


Como mencionamos acima, a estrutura e finalidade container é muito útil. No entanto, o container vai além do que foi dito acima, veja abaixo as vantagens e desvantagens dos containers:

Benefícios dos containers

  • Este tipo de material possui grande flexibilidade. Portanto, pode ser desmontado e construído em um local diferente, pois suas características facilitam a montagem;
  • Ajuda a manter a permeabilidade do solo decente;
  • Se feito corretamente, seu trabalho provavelmente ficará mais limpo, reduzindo detritos e outros tipos de substâncias;
  • Por causa do menor uso de concreto, água, areia e outras substâncias; há um maior mercado de recursos naturais;
  • É sustentável no reaproveitamento do material;
  • Quando o trabalho é bem executado, o preço é baixo, pois poderia: economizar 30% em comparação com a estrutura tradicional;
  • Como tem um longo 'tempo de vida', é durabilidade;
  • É modular, criando oportunidades de crescimento futuro.

 

Desvantagens dos containers

 

  • Alguns componentes e selantes usados na produção podem ser tóxicos, sendo prejudiciais à saúde;
  • Para que a construção seja concluída, é necessária uma grande parcela de terreno para a movimentação dos guindastes;
  • É necessária mão de obra especializada, principalmente para os cortes que devem ser feitos em sua própria estrutura;
  • Como são feitos de metais, a vedação e o isolamento térmico são cruciais, pois o metal absorve uma grande quantidade de calor e pode causar problemas de aquecimento;
  • Antes de implementar a construção, provavelmente será necessária um tratamento de ferrugem.

Containers de transporte para diferentes usos

Os containers vêm em diferentes configurações para torná-los adequados para o transporte de todos os tipos de carga. E, Organização Internacional de Padronização (ISO) significa que cada container é construído de acordo com as especificações padrão, portanto, é adequado para vários métodos de transporte, como navio, caminhão e trem. Os tipos mais comuns incluem:

  • Container Dry: como o nome sugere, são containers de transporte padrão ideais para transportar materiais secos.
  • High Cube Dry Container: Adequado para cargas pesadas e leves que precisam de um container com volume extra, geralmente de 45 pés de comprimento.
  • Container Open Top: Com uma tampa que pode ser totalmente removida para que mercadorias de qualquer altura possam ser enviadas.
  • Container flat rack: Containers dobráveis e não dobráveis com e sem paredes para o transporte de cargas pesadas e carregamento mais fácil de uma ampla variedade de mercadorias.
  • Container do lado aberto (Open Side): mercadorias grandes podem ser enviadas com duas portas em um lado do container.
  • Container de portas duplas (Double Doors): portas maiores em um lado do container permitem que todo o lado do container seja aberto para permitir que materiais de construção de tamanhos padrão de 20 pés e 40 pés sejam carregados e descarregados.
  • Container isolado / térmico: controle de temperatura regulado para permitir que as mercadorias sejam transportadas por longas distâncias sem danos devido às altas temperaturas em containers regulares.
  • Container refrigerado: Containers de baixa temperatura para o transporte de alimentos perecíveis em longas distâncias. Também conhecido como containers refrigerados, a unidade de refrigeração do container é conectada ao fornecimento de energia elétrica do navio.
  • Containers de meia altura: Com cerca de metade da altura de um container padrão, são adequados para o transporte de minerais.
  • Container de Shift Bulk Intermediário: Grandes quantidades de carga podem ser removidas do container para posterior embalagem e envio ao destino final.
  • Plataforma de container: sem teto, laterais ou extremidades e apenas um piso, dificilmente pode ser chamado de "container", mas algumas cargas grandes e de tamanho estranho só cabem no chão ou plataforma de um container.
  • Containers para fins especiais: feitos sob medida para transportar cargas incomuns, como armas que geralmente exigem segurança extra.

Como fazer o transporte de containers de maneira adequada?

Os processos logísticos geralmente incluem protocolos de controle, segurança e armazenamento. Portanto, o transporte de containers não escapa disso.

Na verdade, cada container deve cumprir um conjunto de processos para que sua transferência de um ponto a outro seja satisfatória, evitando alterações ou perdas na carga.

Nesse sentido, qualquer pessoa interessada em realizar um transporte adequado de containers deve estar atento aos seguintes aspectos:

1.Processo de estiva

A estiva refere:se à colocação correta do container na superfície ou plataforma de transporte.

Nesse caso, é necessário seguir um conjunto de cuidados, pois o container estará sujeito a movimentos bruscos durante a viagem, bem como a mudanças de temperatura, entre outras situações.

Portanto, uma revisão completa da condição física do container, incluindo paredes, piso e teto, deve sempre ser feita a fim de detectar rachaduras, amassados, etc.

A mercadoria deve permanecer sempre pressionada em relação às paredes do container, ou seja, não devem ser deixados espaços vazios que permitam a movimentação da carga. Portanto, é necessário utilizar objetos que garantam pressão e amortecimento, como airbags.

Da mesma forma, produtos secos e úmidos nunca devem ser misturados, assim como produtos mais leves devem ser colocados em cima dos mais pesados.

2.Tipo de terminal de destino

O transporte de containers também deve levar em consideração o local para onde a carga será destinada. Depende da finalidade que o cliente pretende entregar a mercadoria e visa cumprir os trâmites legais, administrativos e aduaneiros.

Nesse sentido, encontraremos os pontos de importação, destinados ao recebimento de mercadorias importadas de outro país; os pontos de exportação, destinados ao escoamento de cargas para outros países; e terminais de transbordo, cuja finalidade é a transferência de uma carga de um transporte para outro.

Da mesma forma, também existem pontos especialmente concebidos para a armazenagem de carga seca, bem como para carga molhada.

3.Rastreamento de carga

Todo container deve ser rastreável desde antes de sua transferência até sua entrega no ponto de destino. Para isso, as transportadoras podem utilizar registros de movimentação de cargas, além de ferramentas tecnológicas, como dispositivos de geolocalização.

Desta forma, fica garantido que a carga pode ser monitorada em tempo real, além de permitir a resolução de problemas por perda, roubo ou dano.

4.Fluxo de container

Os containers devem seguir um fluxo logístico em ordem estrita, a fim de garantir seu ótimo estado e evitar manuseio incorreto.

Geralmente, os processos de fluxo no transporte de containers incluem carregamento, descarregamento e transbordo de carga.

 

5.Procure empresas especializadas 

O transporte de containers geralmente é realizado por empresas especializadas no setor. São responsáveis pelo inventário, armazenamento, consolidação e transferência da mercadoria, tanto no seu trecho terrestre, como no marítimo ou aéreo.

Portanto, é muito importante que o usuário que necessita deste serviço, entre em contato e aconselhe uma empresa com larga experiência no mercado, bem como ofereça garantias na mercadoria a ser repassada.

Desta forma, será evitado o manuseio incorreto da carga.

Por fim, uma empresa de transporte de containers deve colaborar nos trâmites aduaneiros, bem como possuir equipamentos sofisticados para a proteção de cargas secas, úmidas ou refrigeradas.

Você já conhecia todas as informações apresentadas neste artigo? Este artigo sobre “Transporte de containers: 5 coisas a considerar” foi útil para você? Seu feedback é muito importante para nós. Deixe seu comentário, curta e compartilhe.


Fontes

https://diavanti.com.br/transporte-de-container/

https://bsoft.com.br/blog/transporte-de-container

https://www.tsacargo.com.br/blog/transporte-de-container-o-que-voce-precisa-saber

https://www.cobli.co/blog/transporte-de-containers/

https://www.pharlog.com.br/transporte-de-container/


Inscreva-se em nossa lista para receber novidades:

Compartilhe e deixe seu comentário:

Veja mais

WhatsApp