Itajaí Containers

47 9 9282-7259

O dólar e o preço dos containers andam juntos, entenda por quê.

Muitas pessoas bombardeiam com a pergunta: “Mas afinal qual é o preço do container?” Porém, o que a maioria das pessoas não sabe é que o preço pode variar, e muito.

Entenda agora mesmo como a cotação do dólar interfere no preço do container

Entenda agora mesmo como a cotação do dólar interfere no preço do container

O preço do container é uma das perguntas mais frequentes hoje no mercado da construção.


Muitas pessoas bombardeiam com a pergunta: “Mas afinal qual é o preço do container?”


Porém, o que a maioria das pessoas não sabe é que o preço pode variar, e muito.


Em linhas gerais, existem duas motivações que permitem a variável do preço no container.


A primeira delas é a cotação do dólar, e a segunda é o material de fabricação dos containers, que é o aço corten.


Ambas situações estão diretamente ligadas à variação do preço. 


Por isso, é difícil traçar um valor geral, porque na hora de comprar, o preço do dólar pode estar mais abaixo ou mais alto.


Por que essa variação acontece?


Vem, nos acompanhe que vamos explicar o porque que existe essa variação.


Antes de explicar as duas variáveis vamos entender a história do container, pois ela é fundamental para entendermos o mercado dos containers.

Como era antes da criação do container

Antigamente, 60 anos atrás, momentos antes da criação do container a transportação de produtos era um tremendo caos.


As pessoas pegavam os produtos a serem transportados dentro dos armazéns, e levavam os produtos em suas mãos até algum barco que estivesse livre no porto.


Imagine todo o processo de transporte da mercadoria era feito sem uma mera organização, passando de mão em mão.


Ainda, o processo todo exigia muita força braçal dos trabalhadores, e a lentidão do carregamento tornava toda transportação uma bagunça total. 


Pensa só no prejuízo que os comerciantes e exportadores da época tinham com essa modalidade de transporte.


Muitos produtos quebravam, se deterioram ou se perdiam na metade do caminho.


Sem contar no trabalho pesado e desumano que o pessoal da época tinha que realizar no transporte dos materiais.


Bem, graças a um homem em específico o modo de transporte das mercadorias da época mudou a movimentação de mercadorias pelo mundo.


A criação dele transformou tanto o transporte que até hoje conseguimos identificar os efeitos da ideia.


Vamos conhecer esse homem misterioso no próximo tópico, vamos lá?

A incrível invenção de Malcom Purcell McLean

Malcon Purcell McLean o nosso misterioso homem, com toda certeza, mudou a história do mundo comercial com a sua incrível invenção: os containers. 


Podemos considerar ele como o “pai” dos nossos queridos containers.


Hoje ele é uma das pessoas mais importantes da história comercial do mundo, especialmente do início do século XX. 


Embora ele não seja lembrado nem conhecido pelas pessoas pela sua incrível invenção, em sua trajetória, ele começou a sua história de transporte rodoviário de mercadorias portando um caminhão apenas. 


Com o tempo o negócio dele foi crescendo e chegou a ter 1.800 caminhões e 37 paradas dispersas pelos Estados Unidos.

 

Cansado de perder tempo, dinheiro e  ter que esperar por dias a fio para poder desembarcar ou carregar uma nova carga, teve a incrível ideia de criar uma caixa forte de aço que fosse fácil de ser: 


  1. Transportada

  2. Movimentada

  3. Embarcada

  4. Desembarcada

  5. Segura

  6. Padronizada

  7. Empilhável


Ele imaginou tudo isso, numa caixa que mantivesse a qualidade dos produtos transportados sem danificar eles, para que chegassem ao destino, sem a costumeira destruição de mercadorias.


Assim, de uma simples ideia nasceu o container. 


Com o decorrer do tempo Malcom foi abrandando o negócio de transporte rodoviário com caminhões e resolveu focar no projeto de transporte marítimo de containers.


Ele abraçou a ideia do transporte marítimo com containers, foi adaptando ela, e chegou a fazer um navio suportar até 58 containers.


Em 1970, ele já tinha 36 navios porta-containers e 27.000 containers, e outras conexões de portos pelo mundo.


Na atualidade muitos consideram que o container foi um dos motivos que conduziu a globalização mundial nos últimos anos.


Devido à sua estrutura os containers são indispensáveis como uma ferramenta de transporte. Entretanto, para fins de transporte a validade de uma container gera em torno de 8 anos.


Quando ele deixa de ser válido no transporte, é o que o torna como uma ferramenta indispensável na construção das mais diversas formas possíveis e imagináveis.


E na atualidade, os containers  também são muito importantes na utilização em construções sustentáveis e recicláveis.


A maioria das pessoas entendem o container como uma gigante caixa de metal que é utilizada para transporte de mercadorias, mas sabem nada mais do que isso.


Devido a esse fato, é engraçado que muitas pessoas não sabem, nem imaginam, a importância e o impacto extraordinário que os containers trouxeram para o desenvolvimento comercial do mundo.


Por isso, é importante aprendermos mais aprofundadamente sobre os containers e a sua versatilidade tanto no transporte como nas construções.

Conexão dos containers na atualidade

Bem, como pudemos notar a transformação dos containers no mercado comercial foi gigante.


Ela vem ainda deixando marcas e transformação no comércio da construção e modelações.


Como o container perde o valor como caixa de transporte comercial, o mercado vem adaptando para utilizar a estrutura dele na construção de diversos tipos de edificações.


É o que vemos como resultado em muitas:


  1. Casas containers

  2. Escritórios containers

  3. Lojas containers

  4. Restaurantes, containers e etc.


Todos construídos da estrutura do container de transportação.


Se você quer saber mais sobre as vantagens das casas em container clique aqui.


A construção com os containers acontece devido ao próprio material dele, pois ele é reutilizável, adaptável, modelável.

Entendi, mas como tudo isso influencia no preço dos containers?

O aço corten que é a matéria-prima usada na fabricação dos containers, tem seu material encontrado somente fora do Brasil.


Assim sendo, ele precisa ser importado para o Brasil para ser utilizado, é onde entra a questão da cotação do dólar.


Vamos conhecer um pouco mais sobre o corten, e a sua influência nos preços dos containers?

Aço corten a transformação do mercado





O aço corten é uma modalidade de aço avermelhado, que pode desenvolver uma leve pele de óxido, conhecida como platina, que protege a si mesmo da ação destrutiva da corrosão.


A principal particularidade deste aço é a durabilidade. 


Esse aço tem elementos na sua estrutura, que torna ele um elemento 3 vezes mais resistente que o aço comum.


Mesmo sendo mais resistente, o interessante é que ele é mais leve que as outras modalidades de aço.


Estas particularidades são muito vantajosas em ambientes como o oceano, ou em relação às altas condições climáticas, por isso é muito utilizado na fabricação dos containers.


O legal, é que ele é um material que pode ser reutilizado, ou seja, é um material totalmente reciclável.


Contudo, a sua produção acontece apenas fora do Brasil, e esse é dos motivos de ocorrer a variação do preço dos projetos feitos em containers construídos no país.


Assim, o maior fator de alteração do preço dos containers é a cotação do dólar, que vai dizer quanto o aço corten vai custar para os brasileiros.

Cotação do dólar e os preços dos containers




Como foi dito acima, cotação do dólar está estritamente ligada ao valor do container, em razão do material usado na construção dele.


Mas você sabe como a cotação do dólar funciona?


O dólar é uma moeda relevante, porque os EUA fazem parte da economia mais forte do mundo. Desse modo, muitas transações no mundo são feitas em dólar.


Assim, os brasileiros têm o poder de compra influenciados pelo valor do dólar, e as matérias-primas também tem seu valor aumentado ou diminuído, devido à alta ou a queda do dólar. 

A cotação do dólar

A oscilação da moeda depende da taxa de câmbio, ou seja, a relação entre as economias dos países. 


A taxa de câmbio no Brasil é flexível, isso significa que ela é negociada livremente por quem compra e por quem vende a moeda brasileira.


Na situação do dólar com o Brasil, a oscilação mostra quantos reais são necessários para comprar 1 dólar. 


De uma forma geral o dólar varia conforme lei da oferta e demanda. 


Por exemplo, se tem muita procura por container, porém pouca oferta o preço do container em dólar pode aumentar. 


Ou quando há muita oferta de containers, porém há pouca procura, o valor do container em dólar pode cair. 


Mas existem muitas motivações para a variação do dólar como o saldo da balança comercial, como o turismo internacional, reservas cambiais e crises financeiras, políticas e sanitárias.


Como encontrar a cotação do dólar mais barata para comprar container?


Em um primeiro momento, deve-se analisar a comparação dos diversos VETs (Valor Efetivo Total) que demonstram o custo de uma operação de câmbio em reais por moeda estrangeira.


Depois deve englobar a taxa de câmbio, as tarifas e tributos incidentes sobre essa operação.


Hoje, por exemplo, o Bacen disponibiliza no seu site uma ferramenta onde se pode verificar um ranking com os VETs das principais instituições.


Em resumo, a cotação do dólar é vista, muitas vezes, como algo complexo e até mesmo distante.


Ela faz com que várias pessoas não pensem na cotação na hora de comprar o seu container.


O que pode ser um erro.


Apesar disso, percebemos que entender sobre a cotação do dólar pode significar um projeto em container bem mais barato do que o esperado.


Entender melhor esse mecanismo é primordial entender como funciona os preços no dia a dia e da economia mundial, afinal, o dólar é a principal moeda do planeta.


Bem, com este artigo conseguimos entender a grande importância que os containers representam na economia mundial, tanto a economia comercial quanto a economia construtiva.


Entendemos que dependendo da cotação do dólar o preço do container pode sair mais alto ou mais caro.


Vimos que o material que os containers são produzidos somente é encontrado fora do Brasil, assim é preciso fazer importações do material para que possamos usufruir dos seus benefícios.


Bem, chegamos ao fim do artigo, contai aí para nós que você achou.


Curta e compartilhe com os seus amigos para que eles também possam saber o momento certo de comprar o projeto em container.


Até o próximo artigo.

Compartilhe e deixe seu comentário:

Veja mais

WhatsApp